outubro 19, 2016

COMPONDO CANÇÕES DE ADORAÇÃO #1: PORQUE VOCÊ PRECISA COMEÇAR E MEUS CONSELHOS INSPIRAÇÃO FAVORITOS

Whisper by Sara: COMPONDO CANÇÕES DE ADORAÇÃO #1 @whisperbysara

Eu escrevo canções de adoração para meu Jesus no meu caderno velhinho favorito. E, bom, eu não sei porque eu estou fazendo isso, já que eu venho guardado isso para mim por todo esse tempo como uma criança esconde seu sorvete para não dividir ou uma adolescente esconde seu diário... De qualquer forma, eu senti no meu coração que era necessário. Mais uma vez o Espírito Santo me trouxe a um lugar novo. Pode parecer perigoso, e te deixar vulnerável, contudo, obedecer é sempre a melhor escolha.

Bom, eu estive conversando um desses dias com meu pai e minha mãe sobre como as canções de adoração têm mudado durante os anos, já que agora há muitas traduções sendo cantadas nas igrejas, mesmo assim, o quão impactante as canções escritas por adoradores brasileiros foram e ainda são na comunidade dos santos.

Eu posso citar dois que, basicamente, fizeram parte da minha caminhada com Deus: Ana Paula Valadão e Kleber Lucas.

Claro, que quando lembramos do Diante do Trono algumas traduções vêm à mente, mas, ainda sim, as canções ministradas pela Ana que mais movem o meu espírito em adoração são aquelas que falam sobre intimidade e dependência, que foram escritas por ela. E, sobre as compostas pelo Kleber Lucas, a lista de músicas que fazem parte das minhas favoritas continua e continua, sejam as cantadas por ele ou as cantadas por outros adoradores bem conhecidos, como a Aline Barros.

Não me entenda mal. Há traduções muito boas, que eu amo cantar também! Como "Oceanos". Eu amo, de paixão, essa canção. Ou, "Aclame ao Senhor". Continuem traduzindo  eu mesma tenho em mente algumas músicas que amaria se fossem cantadas em português também. Entretanto, não parem de criar.

A excelência do chamado, aqui em nossa nação ou em qualquer outro lugar do mundo, é a mesma, simplesmente porque o Espírito é o mesmo, e é isso que importa. Quero dizer, o Pai tem derramado graça e o dom da escrita sobre a vida de muitos adoradores. Eu não sonhei ou tive uma visão sobre isso, eu apenas recebi do Espírito Santo uma bela convicção de que esse derramar está acontecendo aqui no Brasil também! Deus tem chamado filhos e filhas, de todos os povos e línguas, para comporem canções que anunciarão salvação, levarão a essência de Jesus, declarando quem Ele é, impactarão a nossa geração, liderando-a para adorá-Lo, e que irão causar – rs. não intencional – um grande avivamento, como – ou até maior do que – aqueles vividos há alguns anos atrás, que ainda me deixam nostálgica... E, falando sobre isso, todos os recentes em nosso país, que eu consigo me lembrar, começaram com a adoração através da música.

O Pai não se escondeu para que não pudéssemos achá-Lo. Ele quer ser encontrado. O Senhor deseja que Sua Igreja busque-O, para que assim vivamos o Céu na terra como estilo de vida. E por Céu, eu sempre penso na Presença de Deus, Sua Glória enchendo toda a atmosfera. Isso é que faz do Céu o lugar onde eu quero morar por toda a eternidade. Isso é que faz do Céu a minha casa.

Um bocado de coragem ajustaria a necessidade de um levantar de compositores que levam toda uma multidão a estar na Presença do Pai. E, eu amo a palavra coragem, porém às vezes ela se torna muito superficial para mim. Então eu a simplifico, ou a exponho, em três termos muito conhecidos à nós cristãos, que são: fé, confiança e esperança. Eu sei que você estava esperando amor, e eu amaria escrever amor, – rs. – mas não cabe no contexto... No entanto, para fazer todos nós mais felizes, eu posso dizer que o amor de/a Deus dá relevância a cada um desses termos.


por Dallas Clayton

Fé: porque nós precisamos crer que o nosso louvor importa ao Senhor; Ele recebe, de fato, com o mais gentil e amoroso coração que você nem mesmo consegue imaginar a adoração de Sua Igreja. Isso tudo é sobre quem Deus é, Ele é bom. Precisamos de fé para compor canções de adoração.

Confiança: em quem Ele é. Bom, há uma frase que constantemente me vem a mente quando eu me sinto vulnerável às circunstâncias, que é: "Todas as coisa estão delicadamente interligadas com a soberana vontade de Deus." O Espírito Santo me deu essa frase um tempo atrás, e é um conforto para mim, pois mesmo quando me sinto em um lugar arriscado, e não falo apenas de um lugar físico mas principalmente de algum momento que eu possa estar vivenciando, ela me certifica de que é apenas as mãos do Oleiro a me moldar, e mesmo que doa, eu prefiro estar neste lugar onde há esperança de mudança, e, muito mais do que isso, proximidade e comunhão com o Pai, do que em qualquer outro lugar, por mais confortável que possam parecer as outras opções.

Na verdade, estamos todos a mercê de Seu desejo. E você pode não ter noção do quanto isso é maravilhoso. Enfim, precisamos confiar para compor canções de adoração.



Esperança: porque somos bons em falar que as boas novas do Cristo ressurreto vão mudar o mundo, e que nós somos os agentes de transformação, a luz do mundo, o sal da terra. Contudo, não somos intencionais sobre nossas ações, sobre como elas vão afetar a comunidade em que vivemos, as pessoas com quem convivemos. Somos omissos, porque nos falta esperança. E, eu gosto de pensar em esperança, como aquela inabalável e incessável expectativa do que está para vir. Quero dizer, nós todos esperamos pela volta do nosso Rei Jesus, e não há alegria que possa se comparar com a alegria que teremos naquele grande Dia, mas nós precisamos cumprir o nosso propósito enquanto não chega.

Como Igreja estamos incumbidos em levar o Reino de Deus a toda terra, sem exceção. Precisamos ter a expectativa de que através de nós, o Reino vem. Não porque somos bons, ou talentosos, mas porque o mundo está sedento pela Sua Glória. O fato é que as pessoas precisam que nós, como corpo de Cristo, sejamos uma prova, um relance que seja, do caráter de Deus. E se você conhecer a Deus, viver uma vida de intimidade com Ele, estiver constantemente na expectativa do que o Senhor vai fazer através de você ou de qualquer outro que O ame – eu sei que parece difícil, pois então seja intencional, esteja de propósito –, isso não será em vão.

O Espírito Santo vive em nós, e Ele é o único que muda vidas, e nós O temos. Bom, precisamos estar na expectativa. Precisamos ter esperança para compor canções de adoração.



Enfim, eu vou disciplinar a mim mesma a sempre escrever ou postar aqui as minhas inspirações e aconselhamentos sobre esse chamado específico que Deus tem para muitos de seus filhos e filhas. Sem precisar mencionar, mas já fazendo isso: a canção vem quando você está em seu momento de íntima adoração, no seu tempo de comunhão com Jesus, nem que seja durante um minuto durante a correria do dia a dia; e a sua maior inspiração deve ser a Sua Palavra. O que vou fazer por aqui é compartilhar minhas experiências com todo e qualquer adorador que sinta esse direcionamento do Espírito Santo para compor – se você pode me ouvir, ou ler, você não está sozinho. Nós vamos adorar juntos.

Então, abaixo eu deixo três vídeos que abençoaram muito a minha vida compondo.

Amanda Cook, "You Cannot Fail": O primeiro incentivo que recebi para compor canções;
Jenn Jonhson, "Life With God": Luv luv her! História por trás da primeira canção escrita... Que a sua seja autêntica;
Jeremy Riddle, "Writing Lyrics for the Church": Achei engraçado e com muitos bons conselhos para quando o processo parece um pouco bagunçado.

Só para deixar registrado, eu não sei tocar nenhum instrumento. Sendo assim, eu escrevo a letra das canções, que são, basicamente, orações com rimas, divididas em estrofes e coro. Portanto, provavelmente, quando eu for ajustá-las a uma melodia que se encaixe, elas vão ter de ser, talvez, um pouco modificadas. Eu não sei porque estou fazendo isso – de novo –, já que eu estou compartilhando só a minha história e não as canções que escrevo, logo, você não poderia julgá-las. Mas eu vou tentar ser o mais honesta possível sobre o assunto.

Bom, é uma benção para mim pensar que há alguma, mesmo que remota, chance de ajudar alguém que deseja servir ao Senhor com todos os dons que Ele derramou em sua vida. É realmente gratificante.
E, ah, os vídeos são todos da Worship U. No canal deles no YouTube você pode encontrar alguns outros vídeos sobre composição, mas também aulas sobre ministrar o louvor e vida cristã. Meus favoritos são:

Steffany Gretzinger, "Spiritual Authority": Esse é o ponto. A Steffanny é top, rs.;
Kristene DiMarco, "Be Known For Who You Are": Falou tanto ao meu coração. Adorar não é algo que a gente faz, é parte de quem somos. Por isso enquanto você não aprender a se expressar, não importam os riscos, nunca conseguirá fazer o que você nasceu para fazer quando a atenção estiver em você – nota pessoal, rs.;

Assistam, são muito bons!

Alguém por aqui compõe ou gostaria fazê-lo?! Vamos manter contato!

C'est tout,

S. xoxo

Um comentário:

  1. Ótimo texto, obrigado pelas dicas. Eu também amo escrever canções de adoração a Jesus, comecei ainda bem pequeno e não parei mais. Creio que essa geração ainda viverá coisas extraordinárias com Deus, mas isso começa em cada um de nós, O buscando e fazendo a sua vontade. Eis-nos aqui Senhor. Continue assim, Deus te abençoe. Abraços.

    ResponderExcluir

Blog Design by Kotryna Bass Design